Rede de Popularização da Ciência e da Tecnologia na América Latina e no Caribe (RedPOP)

O que é a RedPOP?

É uma rede interativa que une centros e programas voltados à divulgação da ciência e da tecnologia (C&T). Ela funciona por meio de mecanismos de cooperação regional que facilitam o intercâmbio, o treinamento e o aproveitamento de recursos entre seus membros. A RedPop foi criada em novembro de 1990, no Rio de Janeiro, sob a chancela do Programa de Ciência, Tecnologia e Sociedade da UNESCO.

 

Quem participa da RedPOP?

Centros e programas que se dedicam à divulgação da ciência e tecnologia na América Latina e Caribe, como museus de ciência, centro de ciências interativos, museus de história natural, parques ambientais, zoológicos, jardins botânicos, aquários, programas de jornalismo científico, divulgação científica e educação não formal em universidades, ONGs, entre outros.

 

Por que fazer parte da RedPOP?

Ser membro da RedPop significa fazer parte da comunidade mais importante acerca da prática e da reflexão sobre divulgação científica na América Latina e no Caribe. A RedPOP é uma plataforma que facilita a colaboração, através do compartilhamento de experiências e da oferta de oportunidades para desenvolver projetos conjuntos. A cada dois anos é realizada uma conferência RedPop em que são apresentados e discutidos temas de interesse no âmbito da comunicação pública da ciência, bem como diferentes estratégias para trazer maior reconhecimento para a área.

 

Os membros ativos da RedPOP contam com os seguintes benefícios:

• Descontos nas inscrições dos congressos da RedPOP.
• Informações sobre oportunidades – na região e em todo o mundo – para centros e programas.
• Presença no site e nas redes sociais da RedPOP.
• Participação na Assembleia Geral da RedPOP, na qual as políticas e estratégias da rede são determinadas e onde são debatidas colaborações com redes similares e outros centros.
• Oportunidade de trabalhar em projetos internacionais de cooperação em pesquisa e profissionalização na área da comunicação e educação não formal em ciência e tecnologia
• Descontos em conferências internacionais e em cursos sobre museus, educação, comunicação e mediação, entre outros.
• Acesso a informações sobre editais e fontes de recursos e produtos de divulgação científica
• Participação no simpósio Profissionalização em divulgação científica, que será realizado na Costa Rica, em 2016, e no Congresso Mundial de Centros e Museus de Ciência, no Japão, em 2017.

 

Como se tornar um membro da RedPOP?

Uma nova instituição ou programa pode se tornar membro a qualquer momento. Cada membro paga uma taxa anual de 200 dólares (se o orçamento da instituição for menor do que 1.500.000 dólares) ou 400 dólares (se o orçamento da instituição for igual ou maior do que 1.500.000 dólares). O pagamento é muito importante para o prosseguimento desta rede sem fins lucrativos. Informações de como se tornar membro da RedPOP estão disponíveis no site www.redpop.org ou podem ser pedidas pelo email redpopdireccion@gmail.com.

 

Diretoria 2014-2015

Diretora geral
Luisa Massarani,
Museu da Vida, Brasil

 

Coordenações:

Nodo Sul
Constanza Pedersoli
Mundo Nuevo, Argentina

Nodo Andes
Claudia Aguirre,
Parque Explora, Colombia

Nodo Norte e Caribe
Elaine Reynoso,
Sociedad Mexicana para la Divulgación de la Ciencia y la Técnica, Universidad Nacional Autónoma de México

 

Tesoureira
Martha Cambre,
Espacio Ciencia, Lab Tecnologico del Uruguay, Uruguai